Rolando no rio

Rolando no rio2017-08-04T16:16:09+00:00

O Porto de Coeymans é projetado para manipulação e transporte eficientes de material a granel.sport.

À beira do Rio Hudson no norte de Nova York, o Porto de Coeymans é um terminal marítimo de serviço completo de rápido crescimento localizado a cerca de 16 km ao sul de Albany e 177 km ao norte de Nova York. O porto de 162 hectares é de propriedade privada da Carver Cos., que tem uma divisão de construção e outra de areia e cascalho. Para a Carver Sand & Gravel, uma operação de agregados com nove localizações em quatro municípios, o porto oferece a vantagem de acesso direto a 1.067 metros de propriedade à beira do rio com a capacidade de enviar grandes volumes de material em barcaças, reduzindo o tráfego de caminhões nas estradas e proporcionando uma economia considerável para seus clientes.

Além de enviar seus produtos agregados para pontes, rodovias e produtos de paisagismo em larga escala, o terminal aluga área medida em acres e espaço de armazém para diversas empresas, além de oferecer serviços de navegação em águas profundas. Pouco depois de sua inauguração em 2009, o porto tornou-se o ponto de reunião de várias pontes da cidade de Nova York, com uma série de componentes de ponte carregados em barcaças e enviados rio abaixo para seus locais de construção. Em seu primeiro ano de operação completa, o porto manipulou uma estimativa de 80.000 toneladas de carga, com seu segundo ano apresentando um aumento de mais de 900.000 toneladas. Com a aquisição recente de novos sistemas de esteiras transportadoras que agilizam os processos de manipulação e carregamento de materiais, o porto está pronto para crescer.

“No futuro, enviaremos de 1 milhão a 3 milhões de toneladas de carga por ano por este porto”, diz o presidente da Carver Cos. Carver Laraway, proprietário do porto junto com seu parceiro, Eli Weis, um desenvolvedor imobiliário. Recentemente, a Carver Sand & Gravel ganhou o trabalho de fornecer e enviar mais de 500.000 toneladas de agregado para uso na porção de dragagem de um projeto de uma nova ponte de N.Y. de alto perfil, uma ponte de duas vias com 5,6 km que cruza o rio Hudson. Com a conclusão prevista para 2018, a ponte de US$ 3,9 bilhões substituirá a ponte de pedágio Tappan Zee inaugurada em 1955.

A Carver Sand & Gravel está processando material para o projeto de dragagem em um local de pedreira próximo ao Porto de Coeymans. O material agregado está sendo enviado por uma barcaça ao local de dragagem da ponte, onde a Weeks Marine está fazendo remoção de um pouco menos de 765.000 m³ de material. A dragagem foi necessária para criar profundidade suficiente para guindastes e outros equipamentos utilizados na construção da ponte para que os trabalhadores pudessem navegar no local durante a construção da ponte. A Weeks Marine está cobrindo o local da draga com areia e pedras vindas do Porto de Coeymans.

Fundada em 1919, a Weeks Marine é uma empresa internacional de dragagem, construção e embarque. Entre seus muitos projetos, a Weeks Marine transportou detritos do World Trade Center após os ataques de 11 de setembro; recuperou o avião da U.S. Airways que o Capitão Chesley Sullenberger aterrissou no Rio Hudson; e transportou o ônibus espacial da NASA ao Intrepid Sea, Air & Space Museum no lado oeste de Manhattan.

Manipulação eficiente de materiais

A utilização de duas esteiras transportadoras TeleStacker®, fabricadas pela Superior Industries, é de grande importância para a eficiência do transporte de material agregado e sua utilização no projeto de dragagem. Personalizados para atender aos requisitos exigentes de cada aplicação marítima, esses sistemas de esteiras transportadoras podem ser vistos como “suportes” em torno do projeto de dragagem. A esteira transportadora TeleStacker no porto agiliza o processo de carregamento da barcaça. Assim que o material agregado percorre o rio e chega ao local de dragagem, a Weeks Marine usa sua esteira transportadora TeleStacker para transportar o material de maneira precisa e uniforme pelo rio.

Antes da instalação da esteira transportadora TeleStacker no porto, Laraway diz que estava preocupado com a manipulação do material em diversas etapas. “Os caminhões chegavam à doca e despejavam o material agregado no chão. Um carregador e um operador levantavam as pilhas, enquanto um manipulador de material e um operador as recolhiam e carregavam na barcaça. Isso significa que havia dois trabalhadores e duas peças de equipamento usando de 26 a 38 litros de combustível por máquina. Faça as contas e perceba o custo”, diz ele.

Laraway consultou Rod Dibble, proprietário e presidente da Dibble Equipment LLC, uma concessionária de equipamentos com sede em East Schodack, Nova York, e representante da Superior Industries nessa região. Como engenheiro de vendas de equipamentos de construção de longa data, Dibble já havia trabalhado com Laraway. “Rod é inigualável, e a Superior é uma ótima empresa para trabalhar”, diz Laraway. “Eles são uma equipe. Quando dizem que farão algo, realmente fazem.”

O sistema de manipulação e carregamento de materiais permite que os caminhões despejem cargas de 50 a 70 toneladas em uma tremonha, que alimenta uma esteira transportadora de transferência. Essa, por sua vez, alimenta uma esteira transportadora TeleStacker de 3,5 pés (1 m) x 170 pés (51,8 m). Montada em uma placa de concreto, as capacidades radiais e telescópicas da unidade permitem o carregamento de até três barcaças sem ter que movê-las durante o processo. Os comprimentos das barcaças variam de 195 pés (59,4 m) a 260 pés (79,2 m), e o tempo de carregamento dura em média três horas ou menos.

“O sistema também é projetado para que tenhamos a flexibilidade futura para descarregar barcaças no porto alimentando a tremonha a partir de uma barcaça e depois girando a esteira transportadora TeleStacker para que ela possa descarregar em uma segunda tremonha”, diz Laraway, acrescentando que o projeto inteiro ocorreu sem falhas. “Ao eliminar o uso caro da carregadeira e a manipulação de materiais em diversas etapas, reduzimos nossos custos em cerca de US$ 1 por tonelada. Com os futuros envios projetados de 2 milhões de toneladas por ano, trata-se de uma grande economia.”

Um processo otimizado

A Weeks Marine também está satisfeita com as eficiências de manipulação de materiais adicionadas na parte do projeto em que ela atua. “Tradicionalmente, as contratadas usam uma caçamba de mandíbula para espalhar material no fundo do rio, mas nós realmente pensamos que uma esteira transportadora seria a melhor maneira de aplicar o material”, diz Adam Wallach, gerente de projetos marítimos da Weeks Marine. “Vimos diversas esteiras transportadoras que não atendiam às nossas exigências. Então conhecemos Rod Dibble e a Superior Industries, e percebemos que sua unidade conseguiria lidar com a aplicação e produzir a taxa de alimentação de que precisávamos.”

Wallach diz que a Superior personalizou a esteira transportadora TeleStacker para se adequar ao espaço de sua barcaça de 160 pés (48,7 m) x 74 pés (22,5 m) que é usada no local da draga. “Ela é montada sobre um pino e opera em uma base de eixo com rodas para que o nosso operador possa usar remotamente suas capacidades radiais e telescópicas para colocar o material de maneira uniforme em uma determinada área. É uma instalação muito inteligente e eficiente”, diz Wallach, acrescentando que, como o sistema é portátil, a empresa planejar usá-lo em outros projetos.

À medida que mais empresas acessam métodos de transporte de água para aumentar o volume e cortar custos, a necessidade de igual eficiência de custos nos métodos de manipulação, carregamento e descarregamento de materiais completará o cenário. Ter um desses itens sem o outro pode significar que os produtores estão deixando de aumentar suas margens de lucro devido às suas pilhas de estocagem.

  • Superior Telestacker at the Port of Coeymans
  • barge loading at the Port of Coeymans
  • telescoping conveyor at the Port of Coeymans
  • remote controlled telescoping conveyor.
  • low profile telescoping conveyor unloading onto a barge.

Project Details

Industries

Markets

Products

Overview

Superior Industries